DISK GELO 11 4186-9166

A OMS (Organização Mundial da Saúde) desenvolveu um material educacional que tem como tema principal a Segurança de Alimentos. Este Manual já foi traduzido para 68 idiomas e possui uma versão em português que está disponível no site em inglês da OMS (clique aqui para acessar a versão em português).

Este manual descreve 5 regras simples para o preparo seguro de alimentos, evitando contaminações e garantindo a inocuidade do alimento. Sabe-se que os hábitos alimentares, a forma de consumo, o modo de preparo de um alimento pode mudar muito de uma região para outra, e isso pode de alguma forma possibilitar o desenvolvimento de microrganismos patogênicos (que causam doenças). Essas cinco chaves foram desenvolvidas com o objetivo de evitar as contaminações, não importa em qual lugar do mundo você esteja.

Vamos conhecer cada uma das cinco chaves e entender a importância de executá-las durante o preparo e armazenamento dos alimentos?

Chave 1: Mantenha  a limpeza

Este tópico fala sobre a importância de lavar as mãos, equipamentos e utensílios utilizados no processo, e também sobre a importância de proteger os alimentos contra as pragas e outros animais.

Chave 2: Separe alimentos crus dos cozidos

Esta é uma prática que tem como principal objetivo evitar a contaminação cruzada. Sabe-se que um alimento cru contém microrganismos que só serão eliminados depois que o alimento for submetido a algum tipo de processamento, como a cocção, por exemplo, por isso é importante não misturar esses alimentos e nunca utilizar os mesmos utensílios para a manipulação de alimentos crus e cozidos.

Chave 3: Cozinhe bem os alimentos

O cozimento adequado dos alimentos tem a capacidade de eliminar os microrganismos. Por isso, deve-se sempre cozinhar os alimentos adequadamente, em especial carnes, ovos e peixes. Evitar ao máximo comer alimentos crus ou mal cozidos.

Cinco chaves para uma alimentação segura

Chave 4: Mantenha os alimentos em temperatura segura

A temperatura é um fator que pode facilitar o desenvolvimento de microrganismos, por isso, é de extrema importância o seu controle. A temperatura ambiente, em torno de 20 a 25ºC facilita o desenvolvimento de microrganismos, por isso, os alimentos devem estar bem quentes ou serem refrigerados/congelados se não forem consumidos.

Chave 5: Use água e matérias-primas seguras

A água pode ser fonte de contaminação, por isso, toda a água e gelo utilizado como bebida ou como ingrediente (preparação de outro alimento) deve ser potável e ter sua qualidade atestada através de laudos.

Seguindo estes 5 passos, você mantém seus alimentos livres de contaminação.

Quer saber mais, então, assista esse vídeo (clique aqui).

você pode gostar

Sem comentários

Você pode postar comentários de primeira resposta.

Deixe um comentário

Por favor, insira seu nome. Digite um endereço de e-mail válido. Por favor, digite uma mensagem.